quinta-feira, 8 de novembro de 2007

Como surgiu esse blog?





Imagine a cena: duas amigas jogando conversa fora na internet madrugada afora...

Não me lembro ao certo o que meu amiga comentou mas me fez lembrar de que em minha última viagem sentei-me ao lado de um casal (uma brasileira e um francês). Diferente das outras vezes que viajei, esse casal só me cumprimentou e o resto da viagem nem deram papo. Até ai tudo bem, a não ser por um detalhe. Esse casal falava em três línguas diferentes (inglês, português e francês) . Mas isso é apenas um detalhe... O detalhe que me chamou a atenção foi que o dois eram tão carinhosos, parecia que estavam voltando de lua de mel, apesar de não estarem usando aliança. Era um casal maduro, mas mesmo assim após cada cochilo eles espreguiçavam e davam longos beijos, como se tivessem dormido por uma noite toda! Quanta paixão! - (pensei).

Evitei ficar olhando para o lado, tentando ver o Brasil pelas asas de um avião, pois na realidade o que eu via era essa paixão avassaladora (como coisa de adolescente). Evitei sim olhar para o lado! Estava com saudades do meu marido e tantos amassos só me deixaram com mais saudades... Depois eu publico algo sobre esse casal ok?

Voltando ao assunto do nascimento desse blog, tenho que citar mais uma vez o casal!! Ele estava lendo um livro em português e ela lendo um em francês. Como a moça estava sentada ao meu lado, pude ler a capa do livro que logo me chamou a atenção: "La Femme de trente ans" de Balzac (A mulher de trinta anos). Eu já tinha ouvido falar desse livro mas nas minhas incursões pela literatura européia eu nunca tinha pensado em ler um livro francês...

Voltei da viagem e me esqueci do livro até que conversando com minha amiga perdida na internet me lembrei do livro e de como somos diferentes aos 30 anos! Pronto! Bastou isso para procurar na internet o download do livro, encontrar blogs sobre o assunto e finalmente criar o nosso.

Podemos dizer que trouxemos algumas associadas para o blog e que hoje não somos apenas duas. Algumas de nós não querem se identificar e por isso usaremos codinomes. Como dar-se um nome é algo meio complicado (por isso existem os pais) vamos fazer as escolhas e depois colocaremos no nosso perfil. Por enquanto assinaremos como as balzaquianas mesmo!

6 comentários:

Carlos S. disse...

Muito bom esse blog, inovador!

Divulque-o no Brigg1.

www.brigg1.com

Eu divulgo o meu!


Bjs....

Bia e Sophia disse...

Olá Balzaquianas! Prazer em conhecê-las! Temos muuuuito (pelo menos 30 anos, rs) em comum. E vamos trocar muitas figurinhas, com certeza!

Bjos e sucesso para o blog.

Ricardo Soares disse...

sucesso e vida longa ao blog... balzac tinha razão... as trintonas estão com tudo!

Renata disse...

Olá, adorei este blog!Estou com 28 anos, não tão longe assim de chegar aos 30... quero sempre fazer visitas aqui!

Munina. disse...

Opaaaa, adorei o blog de vcs também!!!! Muita sorte xD
Ei, bem que vocês podem me dar uma dica para eu consuistar meu "Desejo", né? ^^
Hehehehe
Vou add vcs tbm!!!!
Bjussss

P. disse...

Parabéns pelo blog! Vou virar uma frequentadora assídua!
Abraços,
P.